« Home | A maçã vermelha » | Férias de um Marxista Pós-Moderno em Crise Existen... » | Nobres campos ... » | Por que o Brasil não cresce? » | Nada de novo. » | Punição » | Por que Saddam morreu? Quem matou? » | Contagem Regressiva » | Beethoven: um gênio incansável » | Novo layout »

“ Todo carnaval tem seu “fim” ”

Todos vocês já devem estar cansados do carnaval. Cansados das noites que você passou acordado, da ressaca dos quatro dias vivendo com o álcool disputando com o sangue um lugar em suas veias, esgotado pelo papo de todos aqueles homens e mulheres que teve que agüentar dizendo um monte de mentiras para apenas te beijar. Por outro lado seu cansaço pode ter como origem a televisão, os jornais, os sites, as pessoas, etc. Resumindo, o cansaço com origem em praticamente todos os meios que fazem sua cabeça e estão ou propagando ou produzindo informações sobre o carnaval.
Para mim, o mais cansativo e o que mais se propaga durante os carnavais são aquelas músicas consideradas os hits* desse período de festa. Alguém pode até encontrar um motivo para festejar rindo da trágica comédia que é nossa vida, porém, os dono das gravadoras, os vendedores, os camelôs, os próprios cantores, todos aqueles que faturam alto com a produção dessa rica safra possuem motivos mais concretos pra comemorar bastante.
Essas músicas e os aclamados “artistas” que as disseminam tem seu sucesso com uma receita bem simples. Basta reunir alguns instrumentos, fazer uma batida animada, inventar uma letra bem simples, ensaiar uma seqüência de passos e colocar na mão de uma figurinha conhecida no chamado cenário pop*.
A duração do sucesso de cada canção está diretamente proporcional ao tempo que ela é tocada nas rádios, que é apresentada nos programas das tardes de domingo e de depois do jornal do almoço ou até do tempo que se leva para a próxima sensação do verão* ser lançada.
Mesmo sendo de simples produção e tendo sucesso garantido, estas músicas não são sempre do mesmo ritmo ou estilo. É importante ilustrar essa afirmação relembrando o carnaval do funk, bonde do tigrão e suas “eguinhas”.
E quais os temas dessas belíssimas canções?
Toda a composição nos mostra alguma dança do aviãozinho, algum amor perdido no verão, ressalta alguma beleza do Brasil ou simplesmente não fala nada. Fica apenas cantando os passos que é a própria dança.
Diante disso, eu não me atreveria a colocar alguma música carnavalesca para que vocês ouvissem enquanto lêem meu texto. Foi uma boa idéia de nosso amigo David mas prefiro não obrigá-los a ouvir essas jóias de natureza bem brasileira.
Eu estaria realmente feliz se acreditasse que essas musicas só existem nessa época, que isso só acontece com as músicas e que as pessoas ouvem algo além disso. Músicas desse tipo existem em qualquer época do ano, no Brasil ou no exterior, tudo acontece em variadas áreas, basta ligar a televisão e você acompanhará programas que são feitos por sete anos consecutivos durante as férias tomando conta de todos os meios de comunicação já citados.
Por mais que eu perca meu tempo escrevendo este texto e você perca o seu lendo-o todas essas coisas de que falei provavelmente não mudarão. O tempo passa, os carnavais sempre chegam, esses enlatados tupiniquins sempre geram um faturamento alto, sempre existirão pessoas de belas faces enganadas o suficiente pra acreditar que é belo o trabalho que fazem, etc.
A consciência dos fatos que descrevi não são suficientes pra suprir a carência que a realidade gerou em nossa gente. Para testemunhar e lamentar só nos resta aguardar o próximo feriado, a próxima estrela pop, a próxima festa regional, o próximo festival de axé, as próximas férias, o próximo verão, o próximo carnaval...

*Tenho nojo dessas expressões.

Já que não me atrevi a colocar uma música em meu texto sugiro que ouçam esta: http://www.youtube.com/watch?v=YFVQzH-FIA4
Seu tema pode começar os debates em torno do texto aqui na parede.

nossa fi.. aEIuAEIUA carnaval eh uma merda msm x)..
mas eu tava lah..bebendo e pulando AOIEOAIEOAIOEA
kkk
legal legal o txt...haha..n entendi pq posto isso ae ...mas blza .. ahha

tu odeia carna neh AUHEUAHEUAHEA da pra ver nesse texto..soh tem tu massacrando o carnaval aeih AEhAS
musinhas...axeh, samba, pagode, essas porra tudo eh ruim :O

Gostei do texto. Acho toda a crítica a produção de cultura de massas coerente.

Interessante como algumas dessas "manias de carnaval" até tem originalmente um sentido (embora eu não possa dar exemplo algum no momento, mas o comentario vale pra todo o comercio de cultura) que se perde quando a musica (ou o que quer que seja) é levado às massas e comercializado apenas porque é "bonitinho" (ou dançante, ou gostosa, whatever).

Eu acho (e o chakan concorda comigo), que devia tocar só psy no carnaval. Boa idéia, o carnaval devia ser uma grande rave de 4 dias.

PS: Meu Salgueiro não foi campeão.
PS2: A Globo é dona da Beija-Flor, por isso ela foi campeã.

Eu odeio o Carnaval. Música daqui do Brasil eu só consigo aturar boa parte do MPB e alguns raros casos de rock como Ira! e Cachorro Grande. De resto, não dá pra ouvir. Um ritminho de samba que seja já me dá enjôo. Imagina uns 5 ou 6 dias só disso.

cambada de zerolas...vcs nao passam de lixo toxico branco.,.vcs falam mal de carnaval pq nao conhecem um verdadeiro carnaval...soh conhecem essa porcaria q o caiçaras lhes empurra goela abaixo todo ano,.... seus imaturos...seus cocôs...venham pra ouro preto e eu duvido q falarão mal de carnaval de novo....
p.s.: seus merdas

Decadência. Pior até que a força de nossas próprias convicções.

caduh
vai se fude vei
-.-
AUEHUAEHUEHUHEAUHEUAHUEHAEUHEAE
primero carnaval q nego passa fora.. e vem tira onda x)
AIEIAEHIAEHIEHAIHEIAHEIAHIEHAIEA
:S

concordo rafael x) ...soh full on...4 dias seguidos x)
salgueiro fede ;~~ torcia pra imperatiz ;~~

cadu...pau no teu ...
x)

ps: tnsc cadu

Postar um comentário

Links to this post

Criar um link

Powered by Blogger
& Blogger Templates




eXTReMe Tracker